Anúncio

Prepara o salgadinho, pipoca e o que mais tiver na geladeira, por que esse jogo vai te dar fome! Cook, Serve, Delicious! 3 ?! é um jogo produzido pelo estúdio Vertigo Gaming Inc. e lançado em outubro de 2020 para PC, PlayStation 4, Nintendo Switch e Xbox One.

A versão que joguei foi para o Nintendo Switch, eu testei no modo de mesa e portátil, mas acabei preferindo o portátil, mesmo o modo de mesa sendo mais confortável visualmente.

Orgulho da pofissom

Todo mundo que curte a cozinha tem ideia de como a rotina de um chefe é puxada, esse jogo reproduz um pouco dessa rotina maluca. Pra conseguir avançar você precisa de prática, estratégia e logicamente, se divertir.

O Jogo é a sequência de Cook Serve Delicious e Cook Serve Delicious 2, que logo no começo eles foram homenageados. Na história o EUA estava se recuperando de uma guerra recente, o ramo de comida não parou de crescer, e é dito que o restaurante do jogador estava tendo muito sucesso na Teragon Supertower….até 30 segundos antes de você começar a jogar, quando o prédio é atingido e cai. Dois robôs encontram o jogador no meio dos escombros, e reconhecem o chefe. A partir daí o veículo dos rôbos vira um food truck, eles dirigem, você cozinha.

Água na boca

O visual do jogo é algo que me deixou encantada, claramente o foco está nas comidas, que estão MARAVILHOSAS, até objetos usados na cozinha, tudo feito com muito cuidado. Thumbnails e loadscreen também estão muito bem feitas. Em contrapartida os “clientes” tem uma arte muito mais simplificada.

A trilha sonora também é muito diferente da maioria das coisas que já ouvi em jogos, as músicas são de Jonathan Geer. Eu não sou nenhuma especialista em música, mas ela passa uma vibe muito tranquila, com uma pegada MPB. Apesar de tranquila ela se agita durante as fases contribuindo para criação do ambiente de caos.

Outro ponto onde podemos ver o cuidado com os pratos são nas suas descrições. TODOS tem uma breve “história” ou lenda, que começa com nomes, datas, fazendo parecer algo sério, até o texto virar algo engraçado.

A arte desse jogo está presente em coisas óbvias e outras mais sutis. O meu ultimo pronto é sobre as próprias receitas, não se tem as proporções e medidas exatas, mas temos muitos processos culinários corretos no jogo.

cook serve delicious 3

Não desliga o freezer anoitche!

O gameplay pode ser resumido em alguns pontos. Você vai jogar como um cozinheiro, cada dia de trabalho é uma partida. As partidas tem algumas sessões, que são os pontos onde o foodtruck estaciona durante o dia.

Seu objetivo é conseguir agradar o maior número de clientes, assim você ganha as moedas do jogo. O jogo tem um sistema de recompensa, dependendo do seu resultado você ganha uma moeda de ouro, uma de prata

Com essas moedas você compra novos pratos mais complexos, porém quanto mais difícil, mais dinheiro e experiência ele te entrega. Antes e depois de comprar uma receita nova você pode treinar o preparo.

Na tela temos basicamente 4 estações de trabalho para cozinhar, e 7 estações menores onde ficam os pedidos. Nas 4 estações principais costumamos fazer os pedidos grandes, nas outras menores vem pedidos menores específicos. Em certos momentos todas as 11 estão ocupadas, enquanto o tempo corre sem parar, as vezes é bem desesperador cuidar de tudo junto.

Os clientes tem um tipo de “nível” de paciência que cai enquanto você não entrega o pedido até o ponto de desistir do pedido, o que torna tudo ainda mais maluco e corrido, mas que ao mesmo tempo não se distancia do mundo real.

Existem dois modos de jogo mais fácil, Chill, onde um clientes tem “paciência infinita” (quero essa na vida real) e não aparecem os recursos que atrapalham o cozinheiro durante o jogo, e o Standand que foi o que falamos até agora.

Faltou tompero

Tenho algumas considerações pessoais sobre minha experiência com o jogo. Sim eu me diverti, sim, quero jogar de novo, MAAS…

Ele é mais prático no portátil, porém a tipografia fica bem pequena e a tela fica com MUITA informação, isso ligado com meus olhos míopes incomodaram bastante, nos momentos que temos muitas tarefas na tela, fica bem difícil.

Esse jogo tem muitas tarefas e muitas delimitações de tempo rolando o tempo todo, é um jogo divertido, mas muito muito frenético e até muito difícil as vezes. Recomendo que a galerinha que tem ansiedade tome cuidado, a intenção do jogo é te divertir não te fazer mal!

Espero que todos testem se divirtam muito e depois tentem replicar aquelas receitas lindonas.