Anúncio

Arboria é um jogo Roguelite, RPG, com ação em terceira pessoa. O jogo foi desenvolvido pela Dreamplant e publicado pela All in! Games e se passa num mundo fictício onde trolls entram em uma masmorra muito perigosa para curar a “Árvore Pai” e salvar a sua tribo.

No começo de tudo existia um Deus, mas o mundo em que ele andava não tinha vida. Então ele plantou seu dedo na terra, foi assim que Yggr, a Árvore Pai nasceu. Yggr deu luz aos seus frutos, nós, uma tribo corajosa de trolls. Nós vivíamos na segurança de seus braços, até ele adoecer. Algo está corrompendo suas raízes, algo está matando a nossa tribo. Nosso Pai está morrendo e se ele não se curar, nós enfrentaremos a devastação.

– Vordagg, o Xamã

Escolha seu guerreiro, se prepare e mergulhe na masmorra

O jogo começa com você escolhendo qual o próximo guerreiro troll que a Árvore Pai vai disponibilizar pra você jogar. Como esse jogo é Roguelite, você joga com o mesmo personagem até ele morrer, depois a Árvore Pai te dá outras opções de guerreiros para tentar novamente.

Depois de escolhido o guerreiro, você pode circular pela cidade de sua tribo, na sua primeira tentativa não vai ter muito o que fazer nela, mas nas futuras, tudo o que você conquistou na anterior você aplica na cidade; você compra melhorias com um minério chamada Veri e desbloqueia melhorias mais avançadas de acordo com quantas raízes da Árvore Pai você curou.

Os guerreiros trolls de Arboria usam simbiontes como arma principal no braço direito, eles assumem o formato de armas medievais como machados, espadas, lanças e martelos. Já as mutações, que ficam no braço esquerdo, atuam como arma secundária, como escudos, uma magia em área, um teletransporte ou arma a distância. Todas as armas tem um ataque primário e secundário e possuem uma aparência muito interessante, já que estão conectados ao corpo do guerreiro.

Antes de descer na masmorra, sempre ocorre uma celebração para o guerreiro que vai tentar a sorte para curar a Árvore Pai, mas no fim dessa celebração você é literalmente jogado de alguma maneira no buraco da masmorra e uma vez lá dentro, somente o combate e a sobrevivência podem te salvar.

arboria
Imagem Divulgação

Pontos Positivos

O Arboria ficou em Acesso Antecipado por quase 1 ano, e cheguei a jogar nessa época e o jogo tinha alguns problemas de performance, mas pra minha surpresa esses problemas sumiram e o jogo está bem liso. Na cidade você percebe que o FPS fica um pouco mais baixo que o normal, pois o cenário é mais complexo do que na masmorra. Os requisitos mínimos e recomendados da Steam estão de acordo com a performance que eu presenciei dentro do jogo.

Anúncio

Em sua jornada no Acesso Antecipado, o jogo corrigiu 1232 bugs, desenvolveu 3500 linhas de diálogo, 11 NPCs, 13 simbiontes, 8 mutações, 113 mutagens (habilidades passivas), 3 biomas, 10 temas da masmorra, 36 inimigos, 9 mini chefes, 4 chefões, 17 novas mecânicas e 80 horas adicionadas de gameplay no jogo. Esses dados foram fornecidos pela própria desenvolvedora e mostra transparência no trabalho deles.

A desenvolvedora foi bem criativa na escolha do tema do jogo, por mais que trolls mutantes com simbiontes não são as coisas mais bonitas de se ver, graficamente falando o jogo é bem bonito. Os controles no jogo, tanto no teclado/mouse quanto no controle se mostraram bem precisos.

arboria
Imagem Divulgação

Pontos Negativos

Uma coisa que eu notei no começo do jogo, existe um período de umas três ou quatro tentativas que parece que você não está progredindo nada, por mais que está juntando Veri, comprando melhorias e curando as raízes. Você está sempre derrotando os mesmos inimigos e isso pode dar uma impressão de que o jogo é repetitivo, mas tenha calma que o bioma muda e os inimigos também.

Como qualquer jogo Roguelite, o foco é sempre a jogabilidade e o enredo acaba ficando um pouco de lado e isso acontece com o Arboria. As informações sobre o mundo, sobre a origem da situação em que a Árvore Pai se encontra são bem rasas, a desenvolvedora poderia melhorar nesse aspecto para manter o jogador mais interessado em avançar no jogo e entender tudo o que está acontecendo.

O combate é similar ao de Dark Souls, o famoso bater e rolar, por mais que eu não sou um expert nesse tipo, achei a mecânica um pouco lenta, bem como o ritmo do jogo. Você entra numa sala, sempre tem inimigos para derrotar e você tem que ir até eles, combate-los, depois explora a procura de Veri, armas e etc. Se o combate fosse um pouco mais rápido e dinâmico, o jogo iria fluir de uma maneira muito melhor.

Infelizmente Arboria não oferece tradução para o português, o que não considero um demérito, pois o jogo é bem barato pra qualidade que ele oferece, mas eu entendo que para algumas pessoas isso pode ser decisivo na hora de adquiri-lo.

arboria
Imagem Divulgação

Considerações finais

Arboria está disponível somente para PC (via Steam), até a publicação desta matéria o jogo custa R$37,99. Por esse preço o jogo oferece muita qualidade e muitas horas de jogo, então eu recomendo Arboria para todos, desde aqueles que nunca jogaram um jogo de ação em terceira pessoa, até aqueles veteranos em jogos similares ao Darksouls.

COMPRE AGORA NA STEAM

Anúncio